Com a volumosa quantidade de dados processados a cada instante no mundo dos negócios, fica impossível, na maioria dos casos, gerenciar a conformidade e o alcance de metas de uma companhia sem o uso de Indicadores de Performance. Existe um conjunto de ferramentas, internacionalmente consideradas como melhores práticas, que ajudam as empresas a acompanhar tempestivamente a gestão e o plano estratégico, permitindo flexibilidade e agilidade em decisões imediatas e fazer correções quando necessárias.

Os indicadores de desempenho são cada vez mais cruciais para adequado controle da gestão e das estratégias. A operacionalização da governança corporativa (e em sustentabilidade) requer a utilização de indicadores monitorando o atingimento de metas da empresa, bem como medidas para os ajustes de não conformidades.

Só é possível gerenciar aquilo que podemos controlar, medir e aperfeiçoar. Os indicadores implantados só serão efetivos mediante a adoção de ações concretas como: analisar os resultados, identificar os pontos críticos e agir na correção dos pontos críticos.

Objetivos

  • Aplicar indicadores qualitativos e quantitativos utilizados pelo mercado e indicadores específicos da empresa
  • Comparar os resultados e atual estágio da empresa, com o segmento de mercado em que ela atua, e indicação dos caminhos a serem seguidos, sempre respeitando a cultura da organização, seu histórico e suas estratégias
  • Auxiliar o processo de decisão gerencial, mensurar a situação atual, registrar a efetividade das ações de melhoria, fornecer dados para diagnósticos e avaliação, disponibilizar informações para lastrear decisões, facilitar a apuração dos desvios ocorridos, propiciar o embasamento nas negociações, tomar decisões com mais consistência e objetividade, facilitar o planejamento e controle do negócio